Assine já

Moradores relatam descaso em manutenção de campo de futebol do Jardim Santa Efigênia

Reclamações estão relacionadas a vários problemas que foram constatados pela equipe de reportagem do jornal PRIMEIRAFEIRA, que esteve no local

 

Moradores dos bairros Jardim Santa Efigênia e Jardim Santa Cruz realizaram no dia 17 de janeiro o corte da grama do Campo de Futebol “José Floriano de Oliveira”, no bairro Santa Efigênia. Segundo os moradores, a Prefeitura de Salto não realizava nenhum tipo de manutenção no local desde a época do Natal e, ainda assim, quando o corte foi realizado, não foi finalizado. “Um pouco antes do Natal a prefeitura fez o corte, mas não fizeram o acabamento nos cantos do campo, não retiraram a grama cortada e nem fizeram as demarcações do campo”, informou o morador do Santa Cruz, Carlos Lima. Ainda segundo ele, nas solicitações recentes, a prefeitura respondia, informando que iriam até o local realizar o corte da grama, entretanto, o serviço não era realizado.

A reportagem do jornal PRIMEIRAFEIRA conversou com diversos moradores e comerciantes da região que relataram o descaso por parte do poder público. Segundo eles, essa não é a primeira vez que esse problema acontece. Por diversas vezes os moradores entram em contato com a prefeitura solicitando o corte da grama do campo. No local também são realizados treinos de futebol, que fazem parte de um projeto social do bairro. Carlos é o presidente do projeto “Craques do Amanhã” e relata que as crianças foram impedidas de brincarem no campo devido a falta de manutenção.

Sem a manutenção necessária, os moradores resolveram se unir e cortar a grama no dia 17 de janeiro, entretanto, o equipamento utilizado por eles quebrou durante a ação e o corte não foi finalizado. No dia seguinte, somente após os moradores iniciarem o trabalho, funcionários da CSO Ambiental, empresa responsável pela realização da limpeza urbana, compareceram ao local e finalizaram o serviço.

O presidente do time do Santa Efigênia, Vagner Martins, foi um dos moradores que realizou o corte da grama para ajudar a comunidade. Segundo ele, a situação no bairro é ruim quando o assunto é limpeza urbana e manutenção. Segundo ele, além desse campo de futebol, há uma quadra de esportes, que pertence ao Centro Comunitário Santa Efigênia que também não recebe manutenção. A quadra está localizada em frente ao campo e não possui iluminação, partes do alambrado e janelas estão danificados; o prédio possui infiltrações, além de entulhos que estão espalhados pelo local.

A vice-presidente do projeto e também moradora do Santa Efigênia, Eliene Araújo, relata a indignação dos moradores com essas situações. “Atendemos cerca de 80 crianças, de sete a dezesseis anos, e temos crianças de praticamente todos os bairros da cidade, como o São Pedro e São Paulo, Nair Maria e Laguna. Toda vez temos que pedir e até implorar para que eles venham cortar a grama, são muitos problemas. Em algumas épocas temos muito carrapato nessa área, é um perigo para os moradores. Acho que a prefeitura deveria nos dar um apoio maior”, relatou.

O jornal PRIMEIRAFEIRA questionou a Prefeitura de Salto sobre o assunto e, em nota, a prefeitura informou que todos os serviços de limpeza pública possuem um ciclo planejado que é pré-aprovado junto a Secretaria de Meio Ambiente e no caso das praças esportivas, em parceria com a Secretaria de Esportes. Ainda segundo a nota encaminhada pela prefeitura, o tempo de execução desses serviços e ciclo costumam variar em períodos de estiagem e em períodos chuvosos.

“Além do ciclo de execução, o munícipe, através da linha de limpeza da CSO (0800-940-3203) ou mesmo através da Ouvidoria da Prefeitura (156), pode solicitar algum serviço no espaço público, sem quaisquer ônus”. Quanto ao serviço questionado, a prefeitura informou que “não houve solicitação via Ouvidoria Municipal e nem na linha de limpeza da CSO e também não foi aberta ordem de serviço. Importante ressaltar que campos de futebol são realizados por demanda. Por fim, embora alguns munícipes tenham aparentemente iniciado um corte de grama, o serviço foi executado regularmente pela CSO Ambiental”, finalizou.

Em relação a quadra de esportes do Centro Comunitário Santa Efigênia, a prefeitura informou em nota que a Secretaria de Esportes está realizando visita em diversas praças esportivas para mapeamento do que precisa ser feito para, em seguida, contratar uma empresa especializada para fazer os serviços necessários. “Referente ao espaço do Santo Efigênia, recentemente houve a pintura do salão, na parte externa e interna e estão sendo feitas melhorias no local. Em breve, a Secretaria de Obras fará a pintura da quadra”, finalizou.

 

             

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Talvez você goste também