Assine já

Casais se agridem por cachorro que teria sofrido maus-tratos

A Polícia Militar levou para a delegacia dois casais que teve de separar em uma agressão mútua, ocorrida na noite de domingo (26) no interior de uma clínica veterinária, no bairro Salto de São José, por causa de um cachorro que teria sofrido maus-tratos.

Uma mulher de 33 anos iniciou a discussão quando levou o cão para o veterinário, na companhia do atual companheiro, e seu ex-marido, um homem de 47 anos, foi atrás, acompanhado da atual companheira, para negar que tivesse agredido o animal.

A mulher disse que foi até o local para resgatar o cão, porque viu na internet a foto dele e a informação de que teria sido encontrado em via pública e recolhido em uma chácara, e ela acusou o ex-marido, já que ele ficou com a guarda do cachorro na separação.

O ex-marido alegou que o animal fugiu e que pode ter sofrido algum acidente. Ele negou que praticasse maus-tratos, pois gosta do cachorro. Mas as explicações não foram suficientes e os quatro começaram a se agredir e a quebrar objetos no local.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Talvez você goste também