Assine já

Feira noturna terá participação de semifinalista do The Voice

A sétima edição da Feira Noturna de Artes e Inclusão Produtiva de Salto, realizada na Praça XV de Novembro, que ocorre neste sábado (22), a partir das 20h, terá como atração o cantor pantaneiro João Ormond, que se apresenta gratuitamente e contará com participação especial da cantora Ana Rafaela, semifinalista do The Voice Brasil.

O repertório é formado por canções autorais e grandes clássicos da música brasileira, como Almir Sater e Renato Teixeira, entre outros.
A feira conta com a participação de expositores de Salto e região, que oferecem diversos tipos de produtos, como roupas, artesanatos, produtos pet, bijuterias, artes em madeira e gastronomia diversificada.

Novos expositores interessados em participar das próximas edições podem realizar o cadastro nas unidades Cras (Centro de Referência de Assistência Social) e na Secretaria de Cultura da Prefeitura. O cadastramento permanece aberto continuamente, sendo suspenso apenas durante a semana que antecede a próxima edição, a fim de possibilitar a melhor organização do evento.

“É indiscutivelmente um evento de sucesso, em três dimensões: na cultural, com as apresentações artísticas; na social, gerando inclusão e renda para os artesãos e pequenos comerciantes; e na turística, visto que o evento progressivamente recebe visitantes de outras cidades. Tanto que já quadruplicou o número de expositores desde a primeira edição”, disse o secretário de Cultura, Oséas Singh Junior.

Para ele, a participação musical é a cereja do bolo. “Não há dúvida de que a música, além de abrilhantar o evento, ajuda na sua visibilidade. Sabemos que a música em festas é uma questão cultural. Neste caso específico, não estamos investindo nenhum valor, pois os artistas vêm através do ProAc (Programa de Ação Cultural de São Paulo)”, finalizou.

O sucesso da feira faz com que a Prefeitura e a Secretaria de Cultura avaliem a possibilidade de expansão do evento, não apenas de datas, mas também de que a feira seja levada para outras regiões. “Conforme debatido com a equipe, as duas possibilidades existem e não são descartadas, no entanto, ao contrário do que possa parecer, um evento assim não é tão simples de se organizar para obter o sucesso que obtivemos”, falou o secretário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Talvez você goste também