Assine já

Vereadores votam na próxima semana o retorno do recesso de julho

A Câmara de Vereadores vota na sessão da próxima semana um dos projetos mais polêmicos que foram apresentados em 2023. O projeto de emenda à Lei Orgânica nº 05/2023 tem em seu conteúdo a proposta do retorno do recesso parlamentar de julho. A propositura é assinada por Alessandro Dernival (Patriota), Ezequiel Damasceno (Progressista), o Kiel; Edival Pereira Rosa (União Brasil), o Preto; Henrique Balseiros (PL) e José Benedito de Carvalho (Solidariedade), o Macaia. Vale destacar que desde 2017 a Câmara Municipal não realiza o recesso do meio do ano.
Ainda em 2023, o PRIMEIRAFEIRA questionou os vereadores que pleiteavam a mudança sobre o objetivo dela e a justificativa era que serviria como uma forma de adequar as férias dos servidores. Também em 2023, os vereadores Cícero Landim (PL) e Daniel Bertani (Podemos) publicaram um vídeo nas redes sociais, manifestando sua reprovação ao projeto, apontando que os vereadores de Salto, se aprovado o projeto, terão mais tempo de recesso que os deputados da Assembleia Legislativa.
Por conta do ponto facultativo do Carnaval, a sessão será realizada na quinta-feira (15), às 14h. Além do recesso parlamentar, também será colocado em votação no plenário o veto ao projeto de lei que institui o Estatuto Municipal da Pessoa com Deficiência do Município.
Na terça-feira (6), aconteceu o retorno das atividades legislativas e, na primeira sessão de 2024, não houve nenhum projeto votado. A única votação foi o requerimento para que a secretária de Educação da Prefeitura, Anna Noronha, compareça ao plenário para prestar esclarecimentos sobre a limpeza nas escolas no período de férias; sobre o não recebimento de recursos do Fundeb; e o concurso público interno para gestores educacionais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Talvez você goste também